10 dez 2018

JOSÉ CARLOS TAVARES CARVALHO

Boa noite a todos os presentes,

Cumprimento o Prof. Dr. Lauro Domingos Moretto, presidente da Academia Nacional de
Farmácia
Dr. Caio Romero Cavalcanti, Presidente Emérito da Academia Nacional de Farmácia
Dr. João Paulo Silva Vieira, Acadêmico da Academia Nacional de Farmácia
Dr. Mateus Mandu de Souza, Acadêmico da Academia Nacional de Farmácia
Deputado Federal Evandro Milhomem, representando a bancada federal do Estado do Amapá
Deputados estadual, Bruno Mineiro
Prof. Dr. Antonio Sergio Monteiro Filocreao, no nome do qual cumprimento os meus colegas
e amigos servidores da Universidade Federal do Amapá, em especial aqueles que
compartilham comigo a administração desta instituição
A minha família
E todos os estudantes aqui presentes

Senhoras e Senhores

Este é um dos momentos de maior felicidade na minha vida. Agradeço a indicação do meu nome pelo Dr. Lauro Moretto, e ter sido aprovada para ingressar como acadêmico na Academia Nacional de Farmácia, é algo que hoje faz parte da minha identidade como pessoa, e muito mais, assumir a cadeira de no. 47 cujo patrono é o Major Brigadeiro Farmacêutico Dr. Gerardo Majella Bijos. Agradeço a todos os acadêmicos que permitiram este momento.

Falar do meu patrono, Dr. Majella Bijos, é assumir a responsabilidade de lutar pela profissão Farmacêutica e honra-la em termos de valorização, pois este farmacêutico foi exemplar quanto a sua vida profissional. Sempre com grande determinação, tenacidade e probidade nas suas ações enalteceu a profissão farmacêutica pelo seu prestigio com as autoridades civis e militares do pais e exterior.

O que me chama atenção no Dr. Majella Bijos, como Mineiro de uma pequena cidade chamada Abre Campo, grande estudioso, dedicado as ciências da saúde, é que suas ações profissionais e não profissionais, sempre foram embasadas numa vida sem sofismas, com simplicidade e humildade. Seu maior sonho era o de fundar a Faculdade de Ciências da Saúde da Academia Brasileira de Medicina Militar, para formar profissionais de saúde para as Forças Armadas.

Infelizmente não conseguiu, por desaprovação do Conselho Nacional de Educação, o que causou-lhe grande desgosto. Senhoras e Senhores. A nossa vida é assim, feita de sonhos. Sonhos que para mim foram essenciais para chegar até aqui hoje. Como Macapaense e filho de uma domestica (lavadeira), restou-me apenas a oportunidade de estudar em escolas publicas, e sem nenhuma perspectiva de avançar em graus maiores, porque a época, o estado não oferecia-nos, mas, esta situação foi primordial para eu criar um sonho real de ir alem do possível, para que eu pudesse galgar uma profissão e quem sabe, melhorar de vida.

Na minha vida como estudante universitário, e como profissional, varias mãos me ampararam e me ajudaram na minha formação, e de forma especial, quero lembrar da minha querida mãe adotiva que me acolheu em Belém do Para, Benedita Braga, do Prof. Dr. Jose Ribamar Mesquita Teixeira que não mediu esforços para ensinar-me as técnicas em farmacologia na UFPA, e o Prof. Dr. Silvio José Sarti, da USP – Ribeirão Preto, que estabeleceu comigo, não uma relação de orientador, e sim, de pai e filho, mas além, confiava que um dia eu iria realizar grande projetos
especificamente na área da farmácia.

Como o meu patrono, Dr. Majella Bijos, tive que enfrentar grandes barreiras na Universidade Federal do Amapá e fora desta, para alavancar a área da saúde em termos de oferta de formação. Hoje eu tenho muito orgulho desta universidade a que eu pertenço, pois começou em 2010 os cursos de medicina e farmácia já com mestrado em ciências da saúde, e agora comemoramos a aprovação pela CAPES do Mestrado em Ciências Farmacêuticas, e do
Doutorado em Inovação Farmacêutica, fato este que vem engrandecer as Ciências Farmacêuticas na região amazônica.

Amigos, colegas e estudantes de Farmácia, assumir uma cadeira na Academia Nacional de Farmácia, é uma grande responsabilidade. Acima de tudo é ter coerência ética e dignidade com esta nobre profissão. Hoje estou entre companheiros que são expoentes na área, inclusive alguns são referências didáticas na formação profissional, que realmente serão lembrados eternamente. A cada dia encontramos novos desafios na profissão farmacêutica, e cabe a nós encararmos e não deixarmos que esta seja esvaziada por interesses particulares. Quando optei por esta profissão, foi acreditando em participar ativamente desta, inclusive tentando destacarme em alguma área que as compõe, e assim, dentro dos estudos dos produtos naturais, na fitoterapia e na farmacologia, encontrei-me e contribuo para o engrandecimento do nosso país.

Dentre os maiores desafios que se fazem presentes na minha vida, está o fato de ter que contribuir com a formação de profissionais da área da saúde, e para mim professor, cabe-me ter a responsabilidade de agir de forma coerente no compartilhamento do conhecimento, para  que no futuro possamos encontrar farmacêuticos, enfermeiros e médicos que acreditam no seu papel como agentes sociais transformadores nas suas áreas de atuação.

Tenho que lembrar da importância da minha família no meu desenvolvimento profissional, e a ela agradecer. A minha mãe, Maria de Lourdes Tavares, que continua sendo a minha inspiração. Aos meus irmãos e irmãs, em especial minha Irmã Maria Ozelina que cumpri seu papel de mãe de maneira exemplar, aos meus primos e primas, minha eterna gratidão. A minha esposa Juliana Taglialegna, que encara as minhas ausências como necessárias, e compartilha das minhas preocupações profissionais e do meu sucesso, e aos meus filhos Talisson e Maria Clara
que apareceram na minha vida para me completar. Com vocês eu tenho mais força para continuar lutando profissionalmente.

Enfim, lembrando do imortal da Academia Nacional de Farmácia, Carlos Drumond de Andrade que dizia: “A cada dia que vivo, mais me convenço de que o desperdício da vida está no amor que não damos, nas forças que não usamos, na prudência egoísta que nada arrisca e que, esquivando-nos do sofrimento, perdemos também a felicidade”.

Posso dizer que sou muito feliz como Farmacêutico e hoje acadêmico, e continuarei firme acreditando e lutando pelos meus princípios e ideais. Muito obrigado a todos.